segunda-feira, 22 de março de 2010

Por mim, já chega, Lua.

Um dia eu vou conseguir perceber e depois contar-vos o que se passa com a minha pessoa. Mas hoje, definitivamente, não é o dia. Hoje só me apetece enterrar-me nos lençóis, desligar o telemóvel e dormir até ser Agosto ou Setembro ou 2020. Mas claro que não vou fazer isso porque está um sol lá fora que não me deixa ficar (mais) triste. E eu só quero que isto - que eu não sei o que é - passe e quero voltar atrás e quero esquecer(-te) e quero ter uma vida e quero voltar a ser EU, por favor.

7 comentários:

Poetic GIRL disse...

Sabes que também me tenho sentido assim? Só não o faço porque acho que é um desperdiçar dos dias. Mesmo que chova cá dentro da alma, devemos aproveitar bem estes primeiros raios de sol que nos aquecem o corpo... bjs

Lila* disse...

Realmente nem parece teu...mas ha tt coisa q te esta acontecer q nem pareces tu!
Mas vai passar!

Karina disse...

Tem dias em que me sinto assim como se não um imenso não querer...
não desejar... não esperar por nada. Porque hoje não posso ter o que (quem) eu considero tão necessário, e nessa confusa roda da vida já não estou bem certa se voltarei a ter.
Então tento inultimente distrair-me com coisas menores como regar as plantas, arrumar os armários, um filminho ou breves viagens...
Estou cá a tentar ser uma assassina de esperanças vãs e sonhos infundados mas tenho falhado e minha vida escorre como grãos de areia pro mar.
De qualquer maneira a praia ainda é bela!!!

Hão de passar os vendavais por nós, man nossas raízes são profundas!!!

Abç...

lady passion disse...

O tempo cura tudo... O problema está quando tempo demora muito tempo. Mas enquanto isso há que aproveitar o sol!

Su disse...

Também me tenho sentido assim... e tenho um texto disso também, mas mais especifico...
Disseram-me que o tempo cura todo, secalhar poderia te dizer isso, mas para te dizer eu tambémteria de acreditar e eu, neste momento ainda não acredito tanto nisso... porque secalhar não quero ver e não quero abrir os meus horizontes...
No entanto, não te isoles, não te afundes... tenta te distraires com coisas menos importantes... ;)

A vida passada nunca volta tras, mas cabe-nos a nós, viver o presente e fazer com que ele seja o que nós queremos e que eja um passo para o futuro!

Beijinho *.*

kuka disse...

E,infelizmente sei exactamente o que é querer isso..

Segredo Cor de Rosa disse...

Também tenho dias desses.
E quando posso sabes o que faço pra desanuviar?
PEgo no carro, na maquina fotografica e vou espairecer... pelo menos enquanto vou a conduzir (e a cantar), enquanto fotografo coisas lindas (como o mar e o sol) esqueço-me do que me entristece.
Experimenta.
Beijo Grande e Sorri.