segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

proporcionalidade directa.

Quanto mais velha estou, menos presentes de Natal recebo.

8 comentários:

Sally disse...

Oh yeah, somos duas.

ML disse...

proporcionalidade inversa neste caso néh? :)

Laís Pâmela disse...

Verdade!

Lua Escondida* disse...

ML, talvez. Matemática nunca foi o meu forte!

Feliz disse...

"Não importa a quantidade!! Mas sim a qualidade dos presentes!"

Uma vez, numa aula, estávamos a falar os presentes recebidos no Natal. A maior parte dos alunos com mais de meia dúzia deles, até que uma miúda, timidamente disse que só tinha recebido um. Foi o gozo total na sala. Como sempre, não permiti que troçassem da colega e intervi com um exemplo:
- Há uns anos, no Natal, os meus pais deram-me só 1 presente!
- Só um?!?
- Sim, só um. Um carro. Acham que é "pouco"?
- Não!!

Pronto! Aqui está a Eureka!

Beijinhos sweet e parabens pelos seguidores! Se seguimos é porque vale bem a pena (ainda que nem sempre comentemos)

Eve disse...

Ahaha! Mas é que é mesmo!
Mas eu não me importo, as que recebo são especiais e chegam-me :)

Cat disse...

Idem :/ .

Candy Cane disse...

Same here ;)