segunda-feira, 8 de março de 2010

E se Ele não voltar?

Ele ouviu-a chorar durante toda a noite. E durante toda a noite pensou em virar-se para Ela e abraça-la, beijá-la, dizer qualquer coisa como vai correr tudo bem, mas não teve coragem. Ele sabia que nada ia mudar. Levantaram-se de manhã sem se cruzarem, apesar de ainda dormirem na mesma cama. Encontraram-se na cozinha enquanto Ela preparava o café e Ele fazia torradas. Comeram em silêncio, sem se olharem. Ele levantou-se e Ela, pela primeira vez naquela manhã, olhou-o. Ele saiu e levou consigo a mala que tinha feito na noite anterior. Não olhou para trás e ainda pensava nas palavras dela ditas entre lágrimas: ou ficas e nunca mais sais ou sais e nunca mais voltas. E Ela deixou-o ir porque lhe tinha dado a escolher e ficou a olhar para a porta, a pensar que Ele voltaria por se ter esquecido de alguma coisa e Ela iria Aproveitar o momento, encher-se de coragem e dizer-lhe a frase que lhe batia na cabeça desde a noite anterior: fica, por favor. Se é para sofrer, quero sofrer contigo ao meu lado.

7 comentários:

Purple Petunias disse...

Ele vai voltar...:)

Cat disse...

Escreves tão bem, querida. Fiquei com um nó na garganta :/

Poetic GIRL disse...

espero que volte... pelas palavras descritas espero bem que sim... bjs

Pintas disse...

ele vai voltar...

bjs

Anónimo disse...

Se ele não voltar ela terá que o dizer na mesma. Assim que houver a oportunidade e senão houver ela vai ter de a criar. Porque nunca podemos nem devemos deixar nada por dizer!

rachelle disse...

Escreves tão bem :')

Ele não queria ir embora, por isso mais cedo ou mais tarde ele volta :)

bjinho

Sofia disse...

Tenho medo, por Ela. Porque mesmo que Ela lhe diga, e que Ele volte, se isso significa que Ela vai sofrer, isso é triste. Quando perdemos alguém, sofremos. Mas o nosso coração cura-se. Quando sofremos permanentemente ao lado de alguém, por outro lado, o nosso coração vai-se corroendo, vai-se gastando, e é como se não merecêssemos a oportunidade de ser felizes, porque escolhemos ficar ali, escolhemos o sofrimento mais prolongado.
Mas, no final, é Ela quem sabe o que é melhor...
Beijinho grande, grande*****